MPPA leva orientação jurídica aos participantes de ação Cívico-Social

A ação Cívico-Social ocorreu neste domingo (8) na Estação das Docas, em Belém
Belém 09/09/19 11:05

 

 

Promotor Eduardo Falesi (de pé) dando suporte durante atendimento jurídico na Estação das Docas
Foto: Cedida pelo promotor

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) foi uma das instituições parceiras da Ação Cívico-Social realizada, neste domingo (8) na Estação das Docas, pela Marinha, Exército e Força Aérea. Em parceria com o Tribunal de Justiça do Pará e Defensoria Pública, o MPPA, representado pelo promotor de Justiça Eduardo Falesi, prestou suporte nas demandas referentes a reconhecimento voluntário de paternidade, divórcio consensual, registro civil, casamento e óbito extemporâneos, homologação de acordo, direito de vizinhança e curatelas.

Desde 2017 o MPPA tem sido parceiro da Marinha e Tribunal de Justiça em atividades itinerantes dessa natureza, as quais já atingiram mais de 40 mil atendimentos, alcançando os municípios mais longínquos e com os piores índices de desenvolvimento humano (IDH) do país, bem como a população carente de áreas urbanas. Está é a terceira ação da qual o MPPA participa este ano.

Além de atendimento jurídico, a Ação Cívico-Social também prestou serviços de assistência médica e odontológica, além de oferta de medicamentos e vacinação, gratuitos dentro do navio auxiliar “Pará”, atracado na Escadinha da Estação das Docas. Ainda dentro da programação, no galpão 3 da Estação havia médicos neurologistas, infectologistas, fisioterapeutas e fonoaudiólogos para orientações e esclarecimento de dúvidas.

O evento possibilitou ainda que os visitantes pudessem conhecer o navio hidroceanográfico Garnier Sampaio, usado para conduzir a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré no Círio Fluvial. O evento iniciou às 10h e se estendeu até às 17h, com uma extensa programação cultural para os participantes ao longo do dia.

Texto: Ascom MPPA

 

 

 

Fale Conosco